terça-feira, 26 de abril de 2011

Felicidade no Trabalho by Julio Peres

Fatores como felicidade, generosidade, gratidão, justiça e temperança estimulam o crescimento profissional no mercado competitivo. Segundo entrevista dada pelo psicólogo e consultor Julio Peres para jornalista Patrícia Buneker.

Outro assunto da entrevista é a estratégia que a organização deve ter com a infelicidade de um funcionário, que poderá desmotivar uma equipe inteira. Pois o funcionário é uma célula deste grande organismo (a empresa), se você não cuidar da célula o organismo adoecerá.

Vale apena conferir:

Fonte:

“Felicidade no trabalho gera resultados positivos” by Julio Peres, HSMInspiringIdeas:

www.youtube.com/watch?v=_wQ6496xC8w

Ta-ta for now

domingo, 24 de abril de 2011

O que é Personal Kanban?

personalkanban

O que é Personal Kanban?

É uma maneira simples de visualizar e controlar o seu trabalho.

Apesar de nossas boas intenções, há caminhos que tornam a vida mais complicada. Pessoas, tarefas, responsabilidades, prazos e diversão competem pela nossa atenção. E o cérebro humano não responde bem ao stress da multitarefa. Uma ferramenta de produtividade pessoal aconselhável para resolver esse problema é o Personal Kanban.

O Personal Kanban é adaptável a todas as idades e situações e, acessível a todos os estilos de aprendizagem. E permite visualizar a quantidade de trabalho que temos e a maneira que o trabalho é realizado. É também escalável e adaptável, sendo que escalável significa que poderá ser usado por você, sua família ou os grupos de trabalho.

Existem apenas duas regras no Personal Kanban:

  • Visualize seu trabalho;
  • Limite seu trabalho em progresso.

Slides de como funciona o Personal Kanban, como criar e o que fazer com ele:

Personal Kanban 101 from Jim Benson.

Fonte:

http://www.personalkanban.com/pk/personal-kanban-101/

Ta-ta for now

sábado, 23 de abril de 2011

Perfil Profissional, Conhecimento, Estratégia, Inovação, Qualidade e Consumidor by Waldez Luiz Ludwig - Programa do Jô Soares

imagem

Uma Entrevista com Psicólogo e Consultor de Empresas Waldez Luiz Ludwig no programa do Jô Soares sobre perfil profissional, valorização do conhecimento, equipe, estratégia, inovação, qualidade e consumidor:

http://youtu.be/Wtnn69-oQ8E

http://youtu.be/mmWODyD6_XE

http://youtu.be/9wewvBwcsQ8

Fonte:

http://youtu.be/Wtnn69-oQ8E

http://youtu.be/mmWODyD6_XE

http://youtu.be/9wewvBwcsQ8

 

Ta-ta for now

As Cincos Coisas que Levam ao Desperdício

Todo desperdício deve ser eliminado.

Para Personal Kanban, as cincos coisas que levam ao desperdício:

  • Algo que reduz o seu desempenho;
  • Algo que alguém poderia fazer com mais eficiente;
  • Algo que leva mais tempo do que vale;
  • Algo que não é seu ponto forte;
  • Algo que você não goste ou quer fazer.

O que pode ser feito para eliminar as coisas que levam ao desperdício?

  • Identificar;
  • Entender;
  • Reorientar;
  • Terceirizar;
  • Delegar;
  • Automatizar;
  • Eliminar.

Seu tempo é sagrado. Deixe o Personal Kanban ajudá-lo a descobrir o melhor caminho para eliminar os desperdícios da sua vida.

Fonte:

“The Five Somethings of Waste” by Jim Benson:

http://www.personalkanban.com/pk/featured/the-five-somethings-of-waste/

Ta-ta for now

Um Grande Exemplo de Líder Servidor

marlimedeiros

Marli Medeiros, criadora e presidente da ONG Centro de Educação Ambiental na Vila Pinto em Porto Alegre é um grande exemplo de líder servidor. A ONG possui um Centro de Triagem da Vila Pinto, que gera trabalho e renda e, ajudou as mulheres da comunidade a saírem das mãos dos traficantes locais para serviço de reciclagem. Atualmente com 60 associadas e 300 pessoas beneficiadas indiretamente pelo Centro Cultural da Vila Pinto que é outro serviço operacional da ONG.

A líder Marli buscou conhecimento e patrocínio para concretizar o Centro de Educação Ambiental na Vila Pinto. Esse centro não trabalha somente na reciclagem, também coordena outros projetos na comunidade, como Centro Cultural da Vila Pinto que oferece oficina de costura, oficina de teatro, oficina de mosaico, telecentro, biblioteca, oficina de dança, escolinha de futebol, assistência jurídica gratuita, passeios culturais e de lazer, sala de cinema e cozinha comunitária. E irá coordenar uma creche e um centro esportivo.

É admirável o amor e a preocupação que essa líder tem pela sua comunidade e a relação de confiança. Sua garagem esta sempre aberta para qualquer emergência, seu carro serve de ambulância a carro funeral.

A líder Marli Medeiros já recebeu vários prêmios e destaques no Brasil, Suíça, Venezuela e Itália. E na Alemanha ganhou prêmio de Inovação na Área Social.

No TEDxLaçador, tive a felicidade de assistir a palestra da líder Marli Medeiros, onde fiquei conhecendo o trabalho dessa grande mulher.

Marli Medeiros é um grande exemplo de líder servidor. O Brasil precisa de mais pessoas como você.

Fonte:

http://www.youtube.com/watch?v=ejIlcZJd4cA

http://www.tedxlacador.com/blog/?p=143

Ta-ta for now

domingo, 17 de abril de 2011

Falando de Refatoração

oficina

A refatoração é o processo de simplificação do código existente, sem alterar o seu comportamento. A falta de refatoração poderá causar dependências doentias entre classes ou pacotes, código duplicado e outras confusões.

Para evitar confusões à refatoração é prioritária com aplicação de testes unitários. Quem usa a prática TDD, a refatoração e os testes unitários estão na prática. E assim elimina o código sujo.

 

tdd 

Agora imagine uma oficina mecânica que tenha cinco funcionários e, nenhum deles coloca as ferramentas no lugar certo após o uso. Nessa mesma oficina ninguém é responsável pela faxina e as peças estragadas são jogadas no quintal alimentando uma grande montanha de peças inúteis. Na administração o computador com sistema da oficina é usado para joguinho no almoço e, faz tempo que oficina voltou para velho fichário fora de ordem. E para ajudar um pouquinho mais os funcionários não se atualizam a tempo.

Uma oficina mecânica cheia de problemas como a citada, geralmente tem alto índice de defeitos e atrasa na entrega de serviços, conseqüentemente gerando insatisfação nos clientes. Mediante aos problemas citados proponho uma refatoração na oficina:

  • Limpeza da oficina diáriamente;
  • Organização das peças;
  • Fornecer as peças estragadas para um serviço de reciclagem;
  • Organização da administração;
  • Atualização dos funcionários.

O mesmo cenário da oficina mecânica acontece com código que não é refatorado. O código vai crescendo cheio de problemas e sujeiras, ou seja, um código doente.

Dica: Aproveite o recurso de refatoração das IDE’s. Esse recurso automatiza a refatoração do código.

Fonte:

“Refactoring”:

http://www.versionone.com/Agile101/Refactoring.asp

Ta-ta for now

quinta-feira, 14 de abril de 2011

JsUnit para Testes Unitários no JavaScript

JsUnit é um framework de testes unitários para o lado cliente, sendo responsável pelos testes no JavaScript. Frisando que JsUnit é um framework 100% escrito em JavaScript.

TDD no Javascript

tdd 

Algumas considerações sobre JsUnit:

  • Os testes unitários no JsUnit são chamados de funções de testes;
  • Funções de testes estão em uma página HTML, chamada de página de teste;
  • A página de teste é uma página HTML que tem um Javascript e deve incluir o jsUnitCore.js;
  • O jsUnitCore.js fornece as funções assertions do JsUnit;
  • JsUnit suporta setUp e tearDown;
  • Uma página suíte de teste declara uma função suite, que retorna uma JsUnitTestSuite para agrupar as páginas de testes;
  • A página testRunner.html roda páginas de testes;
  • A página testRunner.html pode ser executada no servidor de arquivos ou no servidor web.

Funções Assertions:

  • assert([comment], booleanValue)
  • assertTrue([comment], booleanValue)
  • assertFalse([comment], booleanValue)
  • assertEquals([comment], value1, value2)
  • assertNotEquals([comment], value1, value2)
  • assertNull([comment], value)
  • assertNotNull([comment], value)
  • assertUndefined([comment], value)
  • assertNotUndefined([comment], value)
  • assertNaN([comment], value)
  • assertNotNaN([comment], value)
  • fail(comment)

Obs.: Comentário é opcional.

Como instalar e usar JsUnit?

1) Fazer um download do JsUnit http://www.jsunit.net/ e extrair em uma pasta. No exemplo extrai na pasta c:\jsunit.

image

2) No navegador rodei testRunner.html, que esta na pasta c:\jsunit:

j Note que digitei no browse file:///C:/jsunit/testRunner.html

3) No meu exemplo criei um HTML calculoTest.html com testes unitários através das funções Javascript na pasta c:\jsunit\tests:

<html>

<head>

<script language="JavaScript" src="../app/jsUnitCore.js">

</script>

<script language="JavaScript">

function multiply(arg1, arg2) {

return arg1*arg2;

}

function testRetornoSeis() {

assertEquals(6, multiply(2, 3));

}

function testRetornoDez() {

assertEquals(10, multiply(2, 5));

}

function testRetornoNotNul() {

assertNotNull(multiply(2, 5));

}

</script>

</head>

<body>

Testes Unitários multiply(arg1, arg2).

</body>

</html>

4) Agora vamos rodar o calculoTest.html na página TestRunner.html:

  1. Primeiro preencher o campo file com C:/jsunit/tests/calculoTest.html;
  2. Clicar Run.

j2

Esse post mostrou um pouco sobre testes unitários no Javascript.

A documentação e exemplos sobre JsUnit estão no link http://www.jsunit.net/. Também existe uma apresentação na pasta doc do JsUnit e material na internet.

Fonte:

http://www.jsunit.net/

Ta-ta for now

terça-feira, 5 de abril de 2011

Os 7 Desperdícios da Engenharia de Software Segundo o Pensamento Lean

dinheiro

O desperdício no Pensamento Lean é uma atividade que não agrega valor ao cliente. Agora que já sabemos o que é um desperdício segundo o Pensamento Lean, vamos ver os 7 desperdícios da engenharia de software conforme o Pensamento Lean:

1) Transporte:

  • Handoffs - Movimento do produto que não agrega valor.

2) Inventário:

  • Mais informações do que o cliente necessita;
  • Código completo, mas não documentado;
  • Código não testado;
  • Código em ambiente de teste, mas não em ambiente de produção;
  • Código com excesso de comentários.

3) Movimento:

  • Movimento físico ou mental que não agrega valor, como multitarefa.

4) Esperando:

  • Tempo ocioso quando as pessoas, materiais, informações ou equipamento não estão prontos;
  • Aguardando a aprovação do projeto;
  • À espera de recursos;
  • Esperando por aprovação de um processo de mudança;
  • À espera de gerenciamento de produto ou requerimentos.

5) Overprocessing:

  • Passos extra ou esforço - Esforço que não agrega valor ao cliente;
  • Reaprender uma função, classe ou um pedaço de código;
  • Refatorar um pedaço de código que já atende aos requisitos. Mas quando um código não é limpo, os testes unitários e a refatoração serão necessários.

6) Overproduction:

  • Produzir mais do que o cliente precisa ou quer;

7) Defects:

  • Erros e retrabalho.

Fonte:

“The Seven Wastes of Software Engineering” by PETE ABILLA:

http://www.shmula.com/the-seven-wastes-of-software-engineering/2190/

Ta-ta for now

segunda-feira, 4 de abril de 2011

Dicas para Criar uma Equipe Scrum Estável

equipe scrum

Para criar uma equipe scrum estável, Roman Pichler deu as seguintes dicas em seu artigo “STABLE TEAMS”:

  • Considere cuidadosamente quem irá compor a equipe nos seguintes papéis: PO, Scrum Master e a equipe para desenvolver o produto;
  • Minimizar mudanças na equipe dentro ou entre releases;
  • Estabelecer uma parceria de longo prazo entre uma equipe e seu produto, cada produto deve ser desenvolvido por uma ou mais equipes dedicadas. Isso facilita o aprendizado e simplifica a alocação de pessoas.

O PO deve ser sempre um membro permanente da equipe. Isso permite que o indivíduo gerencie todo o ciclo de vida do produto.

Fonte:

“STABLE TEAMS” by Roman Pichler:

http://www.romanpichler.com/blog/roles/stable-teams/

Ta-ta for now